Geral

Governo fecha comércio em todo o estado até 15 de abril

Decreto que restringe ainda mais as atividades entra em vigor amanhã

Decreto que restringe ainda mais as atividades entra em vigor amanhã

Eduardo Leite comunicou decisão na noite de hoje | Foto: Felipe Dalla Valle/Divulgação

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, anunciou para esta quarta-feira, 1°, decreto que restringirá ainda mais as atividades no estado. Em transmissão ao vivo por vídeo, ele disse que a nova publicação do Diário Oficial determinará, à exceção de serviços essenciais, o fechamento de todo o comércio, sem que os municípios possam tomar decisões sobre a questão.

“Alguns ensaiaram relaxamentos de restrições. Não vou discutir se as restrições começaram mais cedo que o necessário. O que importa é que justamente agora, pela análise e pela ciência, revela-se mais importante a restrição”, declarou o governador.

Com isso, o decreto municipal que, a partir de amanhã, permitiria o funcionamento (com restrições) de todo o comércio em Taquari — conforme havia sido acordado hoje, 31, entre a prefeitura e a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) — não será mais publicado.

O prefeito Emanuel Hassen de Jesus (Maneco) comentou a decisão do governador logo após sua tradicional live nas redes sociais. Segundo Maneco, em reunião com Eduardo Leite, essa solicitação já havia sido feita. “Ele não concordou. Disse que era responsabilidade dos municípios. Nós defendíamos que era responsabilidade do estado. Agora, sensatamente, ele tomou essa decisão”, disse o prefeito.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: