Visita-piloto do roteiro Freguesia das Figueiras ocorre amanhã

Percurso turístico abrange seis propriedades rurais

A Prefeitura de Taquari, o Sindicato Rural e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Rio Grande do Sul (Senar-RS) realizam amanhã, 10, a primeira visita às seis propriedades que integram o roteiro turístico rural Freguesia das Figueiras.

O transporte sai da prefeitura às 8h, com retorno previsto para as 16h. “Para nós envolvidos, é uma imensa satisfação, pois foram dois anos de capacitação em turismo rural, proporcionada pelo Senar, e agora iniciamos o roteiro em Taquari. Isso só foi possível com o apoio de todos que acreditaram que poderíamos colocar o município na rota turística rural do estado”, afirma a coordenadora de Cultura, Sabrina Freitas.

Planejado desde o fim de 2017, o roteiro alia belezas naturais, culinária e agroindústrias familiares. O turismo rural é fruto de parceria entre a prefeitura, o Sindicato Rural, o Conselho Municipal do Turismo (Comtur), a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) e proprietários rurais.

O roteiro

Delícias do Morro da Cabrita

O passeio tem início em Júlio de Castilhos, com uma trilha de cerca de dois quilômetros até o morro da Cabrita, passando por mata nativa e arroio até chegar a um paredão de pedras, onde o visitante descobre a que se deve o nome do morro. Na volta, é possível comprar pães, biscoitos, broas e geleias produzidos na propriedade.

Atafona Martins

Na localidade de Amoras, o turista pode acompanhar a preparação da farinha de mandioca, do polvilho e da tapioca. A Atafona Martins é o segundo ponto de visitação. Oferece bejus recheados, farinha, massa de tapioca e demais produtos caseiros.

Cabanha Duas Figueiras

Em Arroio do Potreiro, é servido um almoço na cabanha Duas Figueiras, que conta com cancha de tiro de laço, galpão de fandango e animais de fazenda. No verão, o cardápio conta com costeleta de porco caseiro assada ao molho de geleia com pimenta, acompanhada de quibebe e outras delícias características da região. No inverno, o tradicional preparo taquariense, o fervido.

Recanto dos Piovesan

Com variedade de plantas, a propriedade na localidade de Amoras é visitada após o almoço. No local, o turista pode conhecer diversas espécies de plantas nativas e exóticas (medicinais, frutíferas, aromáticas e alimentícias), bem como degustar e adquirir sucos, chás, geleias e doces.

Sítio da Ana

O visitante pode conhecer o plantio orgânico de vegetais e morangos e colher os próprios produtos que desejam adquirir. O local fica às margens da RSC-287, em Amoras.

Cervejaria Morro Pelado

A despedida do roteiro se dá na cervejaria também situada nas proximidades da RSC-287. Nela, é possível conhecer o processo de fabricação artesanal da bebida e adquiri-la em embalagens de consumo ou para presente. A propriedade é um atrativo à parte. A casa centenária preserva a cultura açoriana e as características de construção da época.

Por que “Freguesia das Figueiras”

O nome escolhido para o roteiro rural no município remete à colonização açoriana. “Freguesia é um termo muito usado pela cultura portuguesa para definir comunidade, paróquia. Já as figueiras compõem o nome porque todas as propriedades que serão visitadas possuem um exemplar da árvore”, explica a prefeitura.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.