Tio Nei volta a propor redução de salário, e Mariante rebate: "Fanfarrão"

Discussão agitou a sessão ocorrida na noite de ontem

Para tucano, vereador não pode ganhar mais do que professor | Foto: Pedro Harry

O vereador Tio Nei (PSDB), ao usar a tribuna na sessão de ontem, 7, voltou a defender a redução do salário dos vereadores. Ele disse que apresentará novo projeto neste ano e espera contar com o apoio dos colegas, já que, na visão dele, um vereador não pode ganhar mais do que um professor.

A proposta não agradou ao recém-empossado presidente da Câmara, Leandro Mariante (PT). “Eu não vou chamar mais de demagoga essa tua fala, Nei, porque até já estou ficando cansado disso. Tu estás aqui há sete anos e nunca devolveste um real. Não ficas com vergonha de vir a esta tribuna e falar em salário? É uma piada isso que tu fazes.”

O petista chamou o tucano de “fanfarrão”. “Desculpa, eu quero respeitar a tua idade, os teus dois mandatos. Agora, tu chegas a ser um fanfarrão. Sabes quanto tu terias de devolver para o município? R$ 188 mil. E não devolveu um real. Não passas vergonha falando isso aqui?”

Mariante fez uma sugestão ao colega. “Se queres dar o exemplo, está começando o ano agora. Vai lá na prefeitura e devolve esses 12 meses. Não fica aqui com demagogia, porque aí é um das poucas vezes que tu me envergonhas.” E concluiu: “Eu acho que o salário de vereador aqui em Taquari é baixo. Para o vereador que trabalha. Para o vereador que vem a esta Casa. Para o vereador que investe em formação. Eu acho que o vereador ganha pouco em Taquari”.

Na sequência, Tio Nei usou a tribuna para rebater a fala do presidente. “O Mariante, se vocês lerem o jornal, vão saber que ele usou gasolina uma vez para fazer uma volta em todo o Brasil. Gasolina da Câmara.” Nesse momento, foi interrompido pelo petista, ao que reagiu: “Não te mete, agora é a minha vez”. E prosseguiu: “O cara que usou gasolina para dar uma volta no país de Opala vem aqui e quer me criticar por eu defender a redução de salário? Eu ajudo muito mais do que ele a nossa comunidade. Até porque eu não saio do balcão para me eleger. Ajudo, faço trabalho social na Igreja Quadrangular e me elejo assim”.

O tucano afirmou que já esperava ser criticado. “Ninguém quer reduzir salário. Agora, eu acho que um vereador não pode ganhar mais do que um professor. No máximo, um salário semelhante. O professor trabalha o dia inteiro na escola para receber bem menos do que a gente. Nós vimos aqui duas vezes por mês para ganhar R$ 3,3 mil. O salário de vereador tinha que ser bem baixinho, o que talvez até evitasse aquele brigueiro que dá em época de eleição e aquela grande compra de votos que existe em todo o país.”

E garantiu: “Com certeza, vou lançar esse projeto e terei acompanhamento de alguns da bancada. Quem sabe os colegas pensem na comunidade, que trabalha tanto e ganha tão pouco, enquanto nós não fazemos quase nada e ganhamos muito”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.