Ida de tucanos a ato contra governo Leite teria irritado presidente da sigla

João Batista Bastos Pereira se manifesta sobre caso

Mandatário local do PSDB integra administração estadual | Foto: Reprodução/Facebook

PEDRO HARRY DIAS FLORES
pedroharry.rs@gmail.com

Antes de começar a sessão da Câmara na última terça, o vereador Marquinho comentava que a ida a Porto Alegre para apoiar os professores em ato contrário ao pacote do governador Eduardo Leite teria desagradado ao presidente local do PSDB, João Batista Bastos Pereira.

“Meu presidente ficou bravo comigo. Eu votei nele [Eduardo Leite], mas achei errado o que fez [para os professores]”, justificou-se.

Com Pastora Mara, João Batista ainda não havia conversado. Mas a vereadora, que também participou da manifestação ao lado dos grevistas, já estava preparada para o momento em que o telefone tocasse.

Indagado sobre o comentário de que teria ficado bravo, o presidente tucano, que integra o governo Leite como assessor da Diretoria de Expansão da Corsan, disse o seguinte à coluna: “A informação não procede, e não houve manifestação oficial do partido em Taquari, o que significa impossibilidade de análise do questionado”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.