Episódio irrita vice-prefeito e quase para na Justiça

Notícia desatualizada sobre condenação repercutiu na última semana

__________

PEDRO HARRY DIAS FLORES
pedroharry.rs@gmail.com

É fato que hoje qualquer indivíduo pode produzir conteúdo noticioso e alcançá-lo a um sem-número de pessoas. Para tanto, nem precisa saber distinguir um “mais” dum “mas”, tampouco conhecer minimamente as normas técnicas e éticas do jornalismo. Basta ter acesso à internet e dominar a técnica do Ctrl+C, Ctrl+V.

Tende-se, nestes tempos, a diminuir a importância do jornalista, a vê-lo como um profissional quase descartável. E, na verdade, é sobretudo agora que se mostra imprescindível o trabalho que lhe compete.

Boatos e informações imprecisas pululam aqui e ali a todo instante. Na última quarta-feira, 18, por exemplo, uma página no Facebook reproduziu, como se atual fosse, notícia de junho sobre condenação de que foram alvo o prefeito de Taquari e seu vice.

Tão logo lançada na rede, incautos e incultos saíram a propagá-la, potencializando a desinformação. Por pouco, a coisa não parou na Justiça. Segundo a coluna apurou, o vice-prefeito André Brito, irritado, cogitou processar o administrador da página e chegou a conversar com advogado, mas acabou por ser demovido da ideia.

Esse episódio só ratifica que o jornalismo profissional, sério e responsável, jamais indiferente à verdade factual, é cada vez mais necessário, relevante, útil, indispensável.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.