Corpo de Bombeiros de Taquari recebe novo caminhão

Com capacidade de armazenar cinco mil litros de água, veículo foi destinado a Taquari pelo batalhão de São Leopoldo

Viatura chegou ao município no fnal do mês passado e já está sendo utilizada pela corporação para o atendimento de ocorrências | Foto: Pedro Harry Dias Flores

Uma nova viatura chegou ao Corpo de Bombeiros no último dia 16 de julho. O caminhão foi destinado ao quartel de Taquari pelo 2º Batalhão de Bombeiros Militar, de São Leopoldo.

O veículo tem capacidade para armazenar cinco mil litros de água. Somado ao outro caminhão do quartel, que atualmente está em manutenção, totaliza 10 mil litros para o combate de incêndios em Taquari, Tabaí e Triunfo, as três cidades atendidas pela corporação.

Na tarde de terça-feira, 30, o sargento Ângelo de Lima Justo esteve visitando a unidade local. Ele no momento responde pelo comando do quartel de Taquari e do 3º Pelotão de Bombeiros Militar, localizado em Montenegro.

Entrevistado por “O Taquaryense”, Ângelo destacou a importância da chegada do novo caminhão para os atendimentos da corporação. “Sem dúvida, é um grande ganho para o quartel, que agora passa a contar com 10 mil litros para o combate de incêndios, considerando a capacidade de armazenamento dos dois veículos.”

De acordo com o sargento, o bata-lhão de São Leopoldo adquiriu recentemente um novo caminhão, o que possibilitou a cedência definitiva do veículo que reforça a frota do Corpo de Bombeiros taquariense.

Estrutura da sede ainda é uma preocupação

A busca por melhorias no quartel, cujas instalações ficam no Pavilhão da Laranja, é uma prioridade, conforme o sargento Dorli da Silva Souza. “Por ser um prédio antigo, as condições não são as melhores. Há o problema das infiltrações, da rede elétrica, dos banheiros. Comparado a antes, está bem melhor, é verdade, mas aindal longe do ideal”, afirma Dorli, que é aposentado e deixa a corporação ao final deste ano.

Ainda segundo o sargento, a prefeitura manifestou o interesse de construir uma nova sede para o quartel no terreno onde está o CTG David Canabarro. Mas, até o momento, o projeto não andou.

A parceria com o poder público, no entendimento de Dorli, é fundamental. “Temos de caminhar juntos, somando forças. Sempre que necessário, recorremos à administração municipal, que nos auxilia dentro das possibilidades.”

Em breve, através do Fundo de Reaparelhamento do Corpo de Bombeiros (Funrebom), serão adquiridos equipamentos de proteção, como capacetes, botas, luvas, capas e outros aparatos.

Aumento de efetivo continua a ser uma necessidade

Em 2018, a unidade taquariense deixou de funcionar por três meses devido à falta de efetivo e ao corte nas horas extras por parte do governo estadual. Durante o período em que o quartel esteve fora de atividade, as ocorrências em Taquari foram atendidas por guarnições de municípios vizinhos.

De acordo com o sargento Dorli, o efetivo não é hoje uma preocupação, mas o número ainda é reduzido e sua ampliação continua a ser necessária. O comandante provisório dos pelotões de Taquari e Montenegro, Ângelo de Lima Justo, acredita na possibilidade da vinda de novos soldados, uma vez que nos próximos meses acontece a formatura de 150 bombeiros no Estado.

Em 17 de julho, o prefeito Emanuel Hassen de Jesus (Maneco) esteve reunido com o comandante geral da corporação no Rio Grande do Sul, coronel César Bonfati, para tratar justamente do aumento de efetivo. “Levei até ele essa necessidade. Desde 2014, o Corpo de Bombeiros presta um serviço de excelência em nossa cidade, salvando vidas e colaborando para a segurança da população. Tudo em conjunto com dezenas de bombeiros voluntários que complementam a equipe. Vamos trabalhar cada vez mais para que tenhamos mais efetivo, mais equipamentos e uma sede própria.”

No encontro com Bonfati, Maneco avaliou os cinco anos da corporação no município, completados em junho, e debateu melhorias para o futuro. Desde a inauguração, em 2014, a unidade já atendeu aproximadamente 2.500 chamados. Em casos de emergência, deve-se ligar para o 193 ou para o telefone fixo do batalhão, 3653-7210.

Sargento ressalta a colaboração da comunidade

Conforme Dorli da Silva Souza, além do poder público, a comunidade é uma grande parceira do Corpo de Bombeiros. “O conserto recente de um de nossos caminhões, por exemplo, tem a participação dela. Sempre que recorremos aos taquarienses, somos atendidos.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.