Número de imunizados contra gripe supera quatro mil

Em Taquari, 289 doses foram aplicadas durante o Dia D da campanha

Sete unidades de saúde disponibilizam a vacina no município | Foto: Imprensa Taquari

Centenas de taquarienses aderiram à mobilização nacional de prevenção ao influenza. Realizado em 4 de maio, nos postos de saúde que possuem sala de vacinação, o Dia D garantiu imunização a 289 pessoas. Três unidades funcionaram na data: a UBS Central e as ESFs Colônia 20 e Praia. Desde o início do combate à gripe neste ano, mais de 4 mil receberam a dose no município.

Destinada a grupos de pessoas mais vulneráveis ao vírus, a campanha vai até 31 de maio. A partir de segunda-feira, 13, o atendimento em Taquari voltará a ser feito em sete postos: ESF Colônia 20 de Setembro, ESF Coqueiros, ESF Leo Alvim Faller, ESF Praia, UBS Central, UBS Prado e UBS Rincão São José. O expediente nas ESFs vai das 7h30 às 11h30 e das 13h às 17h; nas UBSs, até as 16h. A coordenadora de enfermagem local, Andréia Oliveira, alerta que pais ou responsáveis devem obrigatoriamente apresentar a carteira de vacina das crianças.

O acesso às doses é destinado a gestantes, menores de seis anos, idosos, trabalhadores da saúde, professores de escolas públicas e privadas, pessoas com comorbidades e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, povos indígenas, funcionários do sistema prisional e pessoas privadas de liberdade.

Segundo dados divulgados pelo Ministério da Saúde, a meta é atender 58,6 milhões de brasileiros, entre os dias 10 de abril e 31 de maio. Para isso, foram enviadas 63,7 milhões de doses da vacina aos Estados. Durante a campanha, 41,8 mil postos estarão de portas abertas no país, envolvendo 196,5 mil pessoas.

O apoio ainda conta com 21,5 mil veículos terrestres, marítimos e fluviais. “Precisamos entender que a vacina é um direito das crianças e um dever dos seus responsáveis, que somos todos nós, pais, mães, avós, tias, professores e profissionais de saúde”, afirma o ministro da pasta, Luiz Henrique Mandetta.

Como proceder se os sintomas aparecerem

Recomenda-se ao indivíduo evitar aglomerações e ambientes fechados. É importante manter hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos.

Medidas gerais de proteção também impedem a transmissão do vírus, como a limpeza das mãos e a adoção da etiqueta respiratória, que consiste em cobrir a boca ao tossir ou espirrar. Outra dica importante é não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.